quarta-feira, dezembro 3

O México e o Banco Interamericano de Desenvolvimento estimulam a inovação em tecnologia energética sustentável

O Fundo CONACYT-SENER para Sustentabilidade Energética (FSE) e o programa IDEAS do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) anunciam a chamada de propostas 2014 para financiamento de projetos energéticos inovadores no México e na região da América Latina e Caribe. 
A chamada de propostas FSE-IDEAS representa um marco na história da ciência, tecnologia e inovação energética no México, América Latina e Caribe. Sua importância está no financiamento de projetos para a pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias no setor energético, com o potencial de beneficiar toda a região.
Este ano, o FSE-IDEAS pretende apoiar projetos propostos por consórcios liderados por instituições mexicanas de ensino superior ou centros de pesquisa em parceria com países da região, além de propostas inovadoras para o setor energético feitas por indivíduos de qualquer outro país membro mutuário do BID.
Os ganhadores do concurso deste ano nas categorias de consórcio e individual receberão até US$ 200.000 para projetos de pesquisa e desenvolvimento tecnológico destinados a promover a integração e a inovação de tecnologias de alto impacto no setor energético na América Latina e no Caribe. 
O prazo para a apresentação das propostas vai até 15 de janeiro de 2015.
Em 5 de setembro de 2011, a Secretaria de Energia (SENET) e o Conselho Nacional de Ciência e Tecnologia (CONACYT) do México e o BID, com o apoio do governo da Coreia do Sul, anunciaram a primeira chamada conjunta de propostas para financiamento de projetos de pesquisa aplicada e desenvolvimento tecnológico na área de energia sustentável.
No concurso FSE-IDEAS de 2011, nove ganhadores foram selecionados nas categorias de indivíduos e consórcios liderados por uma instituição mexicana de ensino superior ou centro de pesquisa, com prêmios em um total aproximado de US$ 2,2 milhões.
O Concurso de Inovação Energética IDEAS é uma iniciativa que busca apoiar o desenvolvimento de projetos inovadores que promovam energias renováveis, eficiência energética, biocombustíveis e acesso a energia em áreas rurais. Desde sua primeira edição em 2009, foram recebidas mais de 2.300 propostas de 28 países da América Latina e do Caribe e 53 ganhadores foram selecionados. 
Este ano, além de ter o apoio do fundo FSE, o IDEAS está sendo apoiado também pelo Fundo Multilateral de Investimentos (FUMIN), um membro do grupo BID, e pelo governo da Coreia do Sul.
Para mais informações sobre o concurso, visite a página oficial do IDEAS: www.iadb.org/ideas


FONTE: BID